200 livros: Malandro é Malandro

Share

O malandro é uma figura fundamental da sociedade e cultura brasileira. Malandro não é um sujeito comum; normalidade não é um adjetivo que pode ser usado para descrever sua figura. Opostamente, ambiguidade é um bom termo para definir o malandro,… Continue Lendo

200 livros: Historiografia literária brasileira

Share

A literatura não é apenas literatura, como já foi dito pelo professor João Alexandre Barbosa. É um campo discursivo no qual, assim intencionado pelos seus escritores, se intercruzam, se chocam e se expressam as diversas ideologias sociais que exteriorizam a… Continue Lendo

200 Livros: Questão racial

Share

Atualmente, os debates sobre questões étnico-raciais, raça e racialidade têm ganhado cada vez mais relevo e profundidade, tanto dentro como fora da academia. Pode-se dizer que essas discussões visam trazer à tona formas históricas de violência, opressão e invisibilização que… Continue Lendo

200 livros: Militares no Governo – da primeira república até os dias de hoje

Share

Falar sobre os militares no poder parece ser um ato cada vez mais necessário no Brasil, mesmo que isso nos faça reabrir chagas do passado que não gostaríamos mais de ver abertas. Não se trata somente de comentar, por exemplo,… Continue Lendo

200 livros: Modernidade e herança modernista na literatura brasileira (1926-1977)

Share

A Semana de Arte Moderna, realizada no Teatro Municipal de São Paulo em fevereiro de 1922, foi o ponto de encontro de um grupo de artistas, em sua maioria paulistas, que, sob influência das vanguardas europeias e em confronto com… Continue Lendo

200 livros: O campo e a cidade na literatura brasileira

Share

Para o post desta semana dos “200 livros para pensar o Brasil”, selecionamos 10 livros que abordam questões como violência, pobreza e racismo; resistência, luta e esperança. De um malandro carioca do começo do século XIX a mulheres quilombolas do interior da Bahia do século XXI, de Lima Barreto a Conceição Evaristo, o leitor tem à sua disposição um painel variado sobre os muitos campos e cidades brasileiras Continue Lendo

Isabel Lady Burton, uma viajante oitocentista

Share

por Patricia Freire do Nascimento Isabel Lady Burton foi uma viajante, exploradora, tradutora e escritora inglesa que viveu no século XIX. Marginalmente conhecida por ser esposa do diplomata, explorador e escritor Richard Burton, ao longo de sua própria vida, Isabel também… Continue Lendo

Cruz e Sousa, o simbolismo à margem

Share

Nascido em Desterro, atual Florianópolis, o poeta João da Cruz e Sousa (1861-1898) é considerado o inaugurador do Simbolismo no Brasil, o que se se deu com a publicação de duas obras, ambas publicadas em 1893: Missal (poesia em prosa) e Broquéis (poesia) Continue Lendo

BBM Indica: Revista Floreal

Share

Lançada em outubro de 1907, Floreal era dirigida e editada por Lima Barreto, então um jovem com 26 anos e sem nenhum livro publicado Continue Lendo

BBM no vestibular – Diálogo entre o acervo da BBM e o vestibular da FUVEST

Share

Preparamos uma linha do tempo onde é possível encontrar uma seleção de obras que estão disponíveis na BBM Digital e que dialogam com temas e conteúdos que fazem parte do vestibular da FUVEST Continue Lendo