Quem conta um conto acrescenta um ponto – o passeio de Afonso Arinos em “Pelo Sertão”

Share

Por Gabrielle Gonçalves de Carvalho Pelo Sertão – histórias e paizagens é uma coletânea de doze contos escritos por Afonso Arinos e foi originalmente publicada em 1898. Nela, cria-se um rico retrato desse espaço que a literatura pouco recuperou até o… Continue Lendo

Gravuras no acervo da BBM: Dossiê Maria Bonomi

Share

Por: Pedro Perera A brasileira de alma Maria Bonomi, nascida na Comuna de Meina, no Norte da Itália, construiu desde os anos 1950, após a família ter se mudado para o Brasil, um dos mais sólidos trabalhos de produção gráfica… Continue Lendo

Dostoiévski e os ecos do expressionismo: Axl Leskoschek no acervo da BBM

Share

Por: Pedro Perera Axl Leskoschek foi um multiartista austríaco que atuou no decorrer do século XX, destacando-se como xilogravador no Brasil. Em função da ascensão do nazifascismo na Europa e da iminente guerra que se protejava sobre o continente, o… Continue Lendo

O universo da gravura de Renina Katz no acervo da BBM

Share

Por: Pedro Perera “Essa coisa de que o artista espera o ‘santo baixar’ e que ele vai ficar num estado de transe, de inspiração, que indica as soluções… prefiro ficar com Goethe, que dizia que 90% é transpiração mesmo, e… Continue Lendo

O entalhe do nordeste: Mestre Noza e a xilogravura popular

Share

Por: Pedro Perera Aqui temos o caso de um multicriador cuja própria história de vida se confunde com os rumos que tomou a xilogravura popular nordestina no Brasil e no mundo. Inocêncio Miguel da Costa Nick, cearense, mais conhecido por… Continue Lendo