Um cartógrafo alemão no Brasil do século XVIII

Share

Por: Thayna Mesquita O Tratado de Madri de 1750, firmado entre os monarcas Dom João V (1689-1750) de Portugal e Fernando VI (1713-1759) da Espanha, tinha como objetivo encerrar as disputas territoriais entre as coroas e oficializar as demarcações de… Continue Lendo

Debret e Machado de Assis: artistas e historiadores do Brasil do século XIX

Share

Por Alice Santana de Lima A revolução artística no Brasil do século XIX A Missão Artística Francesa foi a responsável por fundar no Brasil a Academia de Artes e Ofícios — mais tarde Academia Imperial de Belas Artes —, no… Continue Lendo

O cotidiano civil durante a Revolução Esquecida de 1924

Share

Por Letícia Favoretto de Souza A Revolução Tenentista – ou também chamada Revolução Esquecida de 1924, por não ser um movimento muito conhecido, apesar de suas grandes proporções, – foi narrada dia a dia de forma bastante peculiar por Henrique Geenen… Continue Lendo

São Paulo – 1925-1928: Roteiro fotográfico pelo centro da cidade

Share

Por: Thayna Mesquita Na Biblioteca Brasiliana Guita e José Mindlin encontra-se um álbum de fotografias, datado de 1925 a 1928, que retrata o centro de São Paulo e seus bairros limítrofes. As fotografias são de autoria de  Gustavo Prugner (GP,… Continue Lendo

O entalhe do nordeste: Mestre Noza e a xilogravura popular

Share

Por: Pedro Perera Aqui temos o caso de um multicriador cuja própria história de vida se confunde com os rumos que tomou a xilogravura popular nordestina no Brasil e no mundo. Inocêncio Miguel da Costa Nick, cearense, mais conhecido por… Continue Lendo

Primeiros passos da fotografia e o Brasil Pitoresco

Share

O Brasil pitoresco (1861) de Victor Frond e Charles Ribeyrolles foi a primeira publicação a utilizar a fotografia na América Latina. As fotografias aparecem indiretamente, no entanto, servindo de base para os desenhos que foram de fato impressos. Com dezenas… Continue Lendo

Viagem pelo Brasil de Martius e Spix: arte e ciência como faces de uma mesma moeda

Share

Era julho de 1817 quando Carl Friedrich Philipp von Martius e Johann Baptist von Spix aportaram no Rio de Janeiro, cerca de três meses após deixarem Trieste, hoje cidade italiana. A dupla de pesquisadores encabeçava uma ambiciosa expedição idealizada anos… Continue Lendo

Crendices zoológicas e primeiros registros da fauna brasileira

Share

Em 1934 Affonso de E. Taunay publicou o livro Zoologia fantástica do Brasil (séculos XVI e XVII), uma “exposição de crendices zoológicas”, segundo ele mesmo. Apesar do título e do eventual monstro na capa, o Brasil é abordado apenas na segunda… Continue Lendo

Relatos de mulheres viajantes no Brasil

Share

Em relação ao gênero da literatura de viagem, talvez cause surpresa a informação de que existem, em quantidade considerável, relatos de autoras europeias que viajaram para terras distantes, às vezes até desacompanhadas, em momentos em que a participação feminina fora dos… Continue Lendo

Bestiário – Tucano

Share

Na Idade Média, bestiário era o tipo de publicação que descrevia seres, reais e fabulosos, do mundo animal. Com a conquista europeia do Novo Mundo, os viajantes se depararam com muitas espécies de animais nunca vistas pelo olhar europeu. Essa… Continue Lendo